top of page

Preciso de advogado para conseguir um empréstimo?

Atualizado: 15 de nov. de 2021


A mais recente novidade na praça é a contratação de advogado especializado em finanças, autorizado pelo Banco Central para a liberação de empréstimo.


O contrato vem todo bonitinho e dá uma justificativa que poderia ser até aceitável, se não fosse GOLPE! Você pode até me perguntar : “Mas doutora, faz sentido o que ele diz, que se a pessoa que pegou o empréstimo atrasa os pagamentos esse advogado é quem vai tentar fazer o acordo para uma renegociação. Ele é quem vai ficar de olho no andamento dos pagamentos. Não é melhor contratar logo?”


E é nesse momento que te digo uma coisa não tem nada a ver com a outra. Vamos separar em 2 assuntos, 1º liberação do empréstimo e o 2º na contratação de um advogado.


De acordo com as regras atuais, definidas por lei, não existe a obrigatoriedade de se ter um advogado para liberar um empréstimo. Muito menos um advogado autorizado pelo Banco Central. O Banco Central não cria leis, não determina quem pode ou não trabalhar com finanças e também não é ele quem libera o empréstimo e sim o banco com quem você está assinando o contrato.

Já sobre a contratação do profissional é preciso passar algumas informações.

  1. Advogado especialista em finanças é algo muito amplo. O profissional pode entender tudo sobre investimentos, bolsa de valores, venda e compra de ações e não entender nada sobre empréstimos. Para tratar de assuntos do dia a dia da relação entre bancos e clientes, temas que são comuns a quase todo mundo, é necessário buscar um advogado especialista em Direito Bancário.

  2. Ter um advogado para analisar qualquer contrato antes de assinar é sempre o indicado. Ele é a pessoa habilitada para te informar se aquele documento está de acordo com a lei ou não.

  3. Nada impede que, em caso de inadimplência, o consumidor contrate um advogado para ajudá-lo a renegociar uma dívida.

Além de ser golpe, a forma como está escrito esse tipo de contrato acaba vinculando o advogado ao pagamento das parcelas caso haja atraso. Ele se torna uma espécie de fiador e quem vai aceitar assinar um contrato desse para um desconhecido?


Por isso, se você nunca solicitou um empréstimo ou está em contato com uma instituição nova procure confirmar as informações antes de assinar o contrato. A internet está cheia de informações e também é possível consultar com os grandes bancos sobre as condições para a retirada de um empréstimo. As regras são as mesmas para todos os bancos, não existe diferença. Se algum representante te disser que precisa fazer algo diferente porque aquele banco não é tão grande quanto um Banco do Brasil ou Bradesco já saiba que é golpe!!!





40 visualizações0 comentário
bottom of page